Cinco talvez e um único parágrafo

{Para ouvir enquanto lê}

Talvez estejamos falando e escrevendo sobre muitas coisas, mas nenhuma delas mora em nós. Somos pautas de jornais. Passageiros e dispensáveis. Conversa de esquina. Prosa do bar do Seu João. Talvez a gente devesse dizer menos. Talvez no silêncio haja palavras maiores do que as ditas no barulho. Ou não. Talvez eu esteja errada. Talvez seja apenas Banks demais…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s